O Tesouro e o ralo do INSS – Opinião – Estadão

0
15


“Não tem sentido cobrar quantidade e qualidade de serviços e ao mesmo tempo defender um sistema previdenciário com despesas e déficits crescentes…”.

Uma reforma que deveria ser ampla não pode se tornar apenas um retoque na previdência.

Com 14,2 milhões de desempregados, e sem a sociedade e o congresso defenderem as mudanças amplas na reforma da previdência, não há, hoje, um cenário de melhora nas oportunidades de empregos e nem na garantia de aposentadorias para os que acreditam que estejam defendendo os “direitos”.

O protesto não deveria ser do “não às reformas”, mas, sim, a de não haver manutenção de privilégios dentro destas. Continuar insistindo no mesmo discurso é tapar o sol com a peneira.

O Tesouro e o ralo do INSS – Opinião – Estadão

O desastre do sistema previdenciário é indiscutível, por qualquer critério contábil


Link da Fonte

Comentários